quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Isso só acontece com o Botafogo...

Patética. Só assim para classificar a atitude de André Luis, do Botafogo, no empate do seu time em 2 a 2 com o Estudiantes, no Engenhão, que desclassificou o alvinegro carioca da Sul-Americana. Jogador descontrolado existe em quase todo o time, mas a tal ponto de, aos berros, desafiar o juiz tirando o cartão amarelo de suas mãos não só é inaceitável mas também é ridículo.

Pouco importa se os argentinos exageram (e exageravam) na catimba, se o Botafogo é sempre prejudicado, se o cartão amarelo na ocasião era injusto, se os jogadores estão insatisfeitos e com os nervos a flor da pele por causa dos salários atrasados ou se a adrenalina dos jogadores era alta no momento. Nada justifica o que o zagueiro e capitão alvinegro fez, minutos após o gol de empate do seu time. Além de protagonizar uma cena ridícula e raramente vista no futebol, prejudicou mais ainda seu time: obviamente a tarefa do time de Ney Franco, que era marcar 3 gols em menos de 25 minutos para passar à próxima fase da competição, era difícil, mas pelo menos a equipe brasileira estava num melhor momento no jogo e poderia sair de campo com uma vitória. Ou seja, poderia ainda assim ser eliminado, mas pelo menos deixaria o gramado com mais honra e dignidade, muito provavelmente aplaudidos pela vontade e empenho que mostravam até fazer o gol de empate.

Nessas horas, pergunto-me: para que servem as preleções e a toda a preparação pré-jogo? Afinal, é nessas horas que o técnico, durante as recomendações, pede calma e concentração ao time durante o jogo; no caso de confrontos contra times argentinos, praticamente suplica para que os jogadores não caiam na catimba do adversário. Mas de que adianta? Isso não passa de recomendações clichês que nunca são atendidas...

Por fim, não consigo entender como a torcida ainda pode bater palmas para um jogador que faz uma coisa dessas quando o mesmo deixa o campo. Tudo bem, os torcedores alvinegros podem achar que finalmente possuem o tal “time de machos” citado por Montenegro no começo do ano, e André Luis foi o símbolo da coragem ao desafiar o juiz. Que me perdoem os botafoguenses, mas não vejo dessa maneira: fica muito mais a impressão de um time que sempre sofre pelo descontrole emocional de seus jogadores e por isso está sempre fadada a fracassar. Aí, sou obrigado a concordar: tem coisas que só acontecem com o Botafogo...

OBS: Só agora que o Botafogo irá contratar um psicólogo?

Foto: www.lancenet.com.br

8 comentários:

Marcos Antônio Filho disse...

Os jogadors do Botafogo são desequilibrados por natureza,acho que as contratações do Bota tem que ter aval psicológico!
Eu ri demais,porque nunca vi isso na minha vida!

Anônimo disse...

DALHE ANDRÉ LUIZ!!!

Almirante disse...

André luiz aprendeu com o paulo almeida. O jornal nacional exibiu uma reportagem na qual o jogador ex santos, tomou da mão o cartão do juiz observado por esse mesmo andré luiz. O jogo foi entre e boca e santos pela final da libertadores. viste sempre os blogs do almirante!

Marcelonso disse...

Pois é Leandrus,o cara perdeu o controle mesmo,completamente fora da casinha,uma atitude que em nada ajuda,pelo contrário.

A coisa no Botafogo tá ficando russa.

abraço

Saulo disse...

O Estudiantes soube administrar o jogo e o Botafogo faltou novamente o controle emocional. Cabe agora a diretoria fazer um bom planejamento para 2009. Colocar as coisas em ordem para que o Botafogo venha melhor para a próxima temporada.

Carlão Azul disse...

Uma cena bizarra que vai ficar marcada na parte deplorável do futebol brasileiro.

André Luis o símbolo do destempero... por onde passa cria confusão, não quero ele nunca mais no Cruzeiro nem que fosse de graça.


Abraços e...

Saudações Celestes

SITE/BLOG.....CRUZEIRO: O MAIOR DE MINAS
Sou Cruzeirense - Site
Sou Cruzeirense – Blog
ENTREM E SINTAM-SE A VONTADE

Vinicius Grissi disse...

Foi uma atitude patética mesmo. E o pior é que não é a primeira vez que este jogador proporciona este tipo de cena. O Botafogo precisa reformular tudo, com urgência.

Net Esportes disse...

Absurdo rapaz .... acho que uns 6 meses de susp. pra ele é pouco hein !!!!!