domingo, 19 de outubro de 2008

Quase lá

É Felipe, chora que o situação, embora não seja irreversível, ficou feia...

No seu reencontro com o circuito de Xangai, palco de uma de suas maiores lambanças em sua curta carreira na F-1, quando ficou atolado na brita ao tentar entrar nos boxes no ano passado, Lewis Hamilton não deu sopa ao azar e venceu o GP da China, ficando ainda mais perto do seu primeiro título da F-1. Felipe Massa, seu concorrente direto na briga pelo título, chegou em 2º e viu sua diferença para o piloto da Mclaren aumentar para 7 pontos. Seu companheiro Kimi Raikkonen terminou na 3º posição. Como meu tempo hoje é bem limitado, farei poucos comentários acerca da corrida.

Mas não tenho tanta coisa para falar desta corrida, pois emoção foi uma coisa que passou longe da China. A tão esperada largada, diferentemente do que aconteceu no Japão, foi super tranqüila: Hamilton, Raikkonen e Massa permaneceram em suas posições iniciais, enquanto Kovalainen, após tentar um ataque em cima do brasileiro da Ferrari ainda nas primeiras curvas, foi superado por Alonso ainda na primeira volta, algo quase inimaginável nas primeiras corridas, devido ao mediano carro da Renault. Só restou a Hamilton abrir uma confortável vantagem em relação aos pilotos da Ferrari e vencer a corrida, sem sustos; não há a necessidade de elogiar o inglês por não ter se afobado em nenhum momento, visto que não houve momento algum em que fosse pressionado. Em outras palavras, teria que ser muito burro para jogar a corrida pela janela (ou na brita). Restou à Raikkonen deixar Felipe ganhar a segunda posição, já a poucas voltas do fim. A corrida foi tão fraquinha que uma das suas únicas emoções foi saber quando o finlandês deixaria seu companheiro passar.

Importante elogiar o desempenho de Alonso, que novamente conseguiu um ótimo resultado, chegando na 4º posição e até ultrapassando Kovalainen, piloto da Mclaren, com louvor. Aliás, o finlandês, que abandonou a corrida, caiu para a 7º posição na classificação geral. Tudo bem que Heikki teve alguns problemas no começo do ano que prejudicaram sua performance, como problemas com o carro na Turquia, na Espanha e em Monaco, mas não deixa de ser fazer uma campanha decepcionante. Um piloto da Mclaren não pode ficar atrás da dupla da BMW e de um dos pilotos da Renault no Mundial de Pilotos.

A tarefa de Massa é bem complicada agora: além de fazer um excelente trabalho na pista, terá de torcer e muito para Hamilton não se sair bem no Brasil, já que precisa tirar uma distante diferença de 7 pontos. Como não vejo a Mclaren tendo um rendimento muito ruim numa corrida, resta a Massa torcer para que o inglês cometa algum erro grosseiro ou que ele se envolva em alguma acidente que o tire da corrida ou o jogue para o fim do pelotão. Essa será uma verdadeira prova de fogo para o Hamilton: se não fizer alguma besteira e conquistar o título, será aclamado; caso contrário, sofrerá críticas ainda mais severas, muito piores do que as que sofreu no fim do ano passado e depois de corridas no Canadá e no Japão esse ano, quando foi chamado de imaturo.

OBS (não levem muito a sério!): Bernie Ecclestone, por favor, coloque GP noturno na China! Mantive minha tradição de não dormir até a corrida começar, mas o GP estava tão chato que tirei vários cochilos de 2 minutos! Quase perdi a troca de posições dos pilotos da Ferrari. Enfim, corrida às 5 da manhã é dose!

Foto: www.gpupdate.net

8 comentários:

Pâm SãoPauliNa-RP disse...

Dalhee Mengo tudo bem???
Adoroo o Hamilton e torço por ele rsrsrsrsrs......
putz acorda 05:00 não da heim..assisti morrendo...
e o poior é ver o galvão falando merda francamente..............

Aldevan Junior disse...

Fala Leandrus!!!

NOsso Mengão não jogou nada ontem, mas pelo menos somou três pontos...

Sobre a corrida, fiquei sabendo do resultado no Fantástico. Sou um crítico ferrenho da F1, mas as vezes me arrisco a ver algumas corridas. Mas realmente, 5:00 da manhã é dose mesmo...

Abraço!

Net Esportes disse...

tradição de não dormir até a corrida começar ??? às 5 da manhã ???? ta doido !!!!!!!!!!!!!!!

Eu dormir antes e depois e também dava vários cochilos !!!! kkkkkkkkkkk ainda mais que eu abaixei todo o volume pra nem ouvir o Galvão..... !!!!!!! corrida foi muito monótona, eu vi a larga, as duas paradas nos boxes dos líderes e a troca de posição da Ferrari, além da chegada e pódio.....

Hamailton não pode vacilar em São Paulo, mais uma vez ele tem a taça na mão !!!!!!!!!!!

Net Esportes
O mundo dos esportes na internet

Breiller disse...

Depois do último GP noturno, todos os outros pra mim poderia ser realizados à noite. O espetáculo fica ainda mais bonito.

A corrida foi muito sem graça mesmo, Leandro. Cheguei em casa e já tava na metade (não aguento esperar acordado em casa Hehe!). Odeio circuitos travados.

Mas acho que Interlagos vai compensar a falta de emoção em Xangai. Até por valer título e o Massa correr em casa.

Vai chover, o Hamilton vai quebrar na antepenúltima volta e o Massa vai chegar em terceiro (Visionário mode on).

Abraço!

Vinicius Grissi disse...

Este horário realmente é complicado. Está acabando comigo também...kkkkk

Pena que o Massa levou azar quando foi bem apesar de ter tido sorte quando estava mal. O campeonato está praticamente impossível. Não acredito que o Hamilton vai dar mole novamente.

Marcos Antônio Filho disse...

Foi muito complicado o horário do GP,5 da manhã foi brabo!A corrida foi chata à beça,e o Hamilton tá ocm a mão na taça,agora vamos ver se ele amarelará de novo!

Leandrus disse...

Breves comentários:

Sãopaulina, mas é o Galvão Bueno que deixa as pessoas acordadas! hehehe

Aldevan, sem problemas, percebi que você não é dos maiores fãs de F-1. Fique tranquilo que não vou te matar por isso, hehehe. Quanto ao Fla, não jogou muito, teve muita dificuldade para furar a retranca do Vasco, mas conseguiu a sofrida vitória, construída desde terça, quando Odvan machucou Leandro Amaral. Se ele estivesse em campo, o Vasco poderia ter empatado, porque faltou alguém de maior poder de finalização no time.

Netesportes, tradição é tradição, hehehe. Mas depois de ontem, vou pensar seriamente se farei isso de novo...

Breiller, cheguei em casa no meio da corrida? Boêmio você, hein! hehehe
Bom, sua previsão é ótima...ótima para matar Galvão Bueno e vários torcedores do coração! hehehe

Vinicius, impossível não está. Mas agora Massa dependerá muito de um erro de Hamilton ou erro de outro piloto que o prejudique. Realmente, a missão ficou bem difícil.

Marcos Antônio, quanto a resposta do Hamilton, só ler acima, hehehe

Ateh!

Felipe Maciel disse...

Tem razão, é o Galvão que não nos deixa durmir hehehe