sábado, 12 de setembro de 2009

Agora vai, Sutil?

OBS: Amanhã passarei o dia todo fora de casa e só assistirei o GP depois das 8 da noite; portanto, não farei a análise da corrida. Aliás, estou pensando em daqui para a frente não fazer mais análise das provas, e sim comentar um fato da corrida. Mas é algo que ainda estou pensando em fazer.

Adrian Sutil duelando com Nico Rosberg no Japão em 2007, quando conquistou seu único ponto na F-1

Sempre acreditei que Adrian Sutil conquistaria os primeiros pontos da Force India. O seu bom desempenho na pavorosa Spyker e o fato de ter “quase entrado” na zona de pontuação mais vezes do que Giancarlo Fisichella me fizeram acreditar piamente nisso. Mas o italiano teve performances muito boas principalmente nas últimas corridas e realizou o feito na frente do alemão.

Com o segundo lugar no grid de largada da Itália garantido – só não foi pole por causa da fantástica volta de Lewis Hamilton no final da corrida – Sutil tem nova chance de trazer alguns pontinhos para a equipe indiana. Não será o feito de ser os primeiros da equipe, mas trará tanta satisfação quanto aqueles 8 conquistados por Fisico na Bélgica, certamente.

Mas para isso, terá de fazer uma prova tão consistente e sem erros como a de Fisichella há duas semanas. Terá de contar com a sorte de não vir nenhum piloto como uma vaca adoidada atrapalhando seu caminho, como Raikkonen foi no final do GP de Monaco de 2008, tirando o seu 4º lugar. E terá de não errar como errou na China e na Alemanha este ano – esta última, quando coincidentemente bateu em no finlandês da Ferrari. Erros bobos que tiraram pontos praticamente certos e a chance de entrar na história da Force India.

Se tudo der certo amanhã, o alemão terá grandes chances de finalmente pontuar, algo que não consegue desde o improvável 8º lugar no Japão em 2007. O caminho já está bem andado, pois seu carro está muito bom e a largada será relativamente tranquila para ele. Agora, é refletir porque não pontuou das outras vezes em que esteve tão perto do feito para evitar que o mesmo ocorra e para que não termine com o sentimento de frustração mais uma vez.

Foto: www.motorsport.com

6 comentários:

Willian disse...

Digo mais: se a chuva continuar por lá, pode até pintar vitória dele! Já pensou? Uma vitória da Force India!

Saulo disse...

Rubinho vai largar bem e tomara que faça uma boa corrida.

F-1 A.L.C. disse...

se chover pode acontecer qualquer coisa. agora, se o povo da Force india quer fazer bonito, o importante é defender na largada a cualquer preço

Marcelonso disse...

Leandrus,

Teria o destino reservado a estreia de Sutil nos pontos,logo com a vitória?
Acho que não,mas um podio é possivel.

abraço

Loucos por F-1 disse...

Xará, eu também sempre achei que o Sutil seria o primeiro a pontuar com a Force India.

O alemão fez uma ótima corrida a bordo de seu Force India em Monza. Só não conseguiu superar os carros com o KERS e a Brawn. Acabou sendo o grande destaque do GP italiano.

Se não fosse o carro, Liuzzi também chegaria nos pontos.

Abraço!

Leandro Montianele

Marcel Jabbour disse...

Olha o Rubinho! Haja coração! Se ele for campeão vai perder toda graça, né? Hahahaha

Brinquei! Tomara que ele quebre o tabu.

Abraços

diletra.blogspot.com