terça-feira, 3 de março de 2009

Chateado com toda a razão

Ele preferiu não ficar calado. Cuca não gostou nem um pouco das provocações feitas pelos torcedores do Botafogo no último domingo, ao gritarem “Vice é o Cuca”, e já prometeu vingança.

É fácil entender o motivo da brincadeira dos torcedores. Era um momento de muita euforia para eles; coisa típica de torcedor mesmo, que muitas vezes age mais com a paixão do que com a razão. Além disso, o grito provavelmente foi incentivado pelo fato do técnico ter ido para o Flamengo (como disseram os jogadores Leandro Guerreiro e Alessandro), com quem o clube alvinegro tem criado uma rivalidade cada vez mais ferrenha nos últimos anos.

Da mesma maneira, é muito fácil entender a irritação de Cuca, e acredito que tenha motivos para se sentir injustiçado, por mais que tudo tenha sido uma brincadeira. Afinal, o técnico fez um bom trabalho no Botafogo entre 2006 e 2008, que se não foi coroado com títulos teve seu auge ao conquistar a Taça Rio em 2007 e 2008 (esta após uma dura decisão contra o Fluminense). Taça Rio essa que, assim como a Taça Guanabara ganha nesse ano, é equivalente à conquista de um dos turnos do Carioca e dá vaga à decisão do Estadual.

O que os torcedores comemoravam, que na verdade não é um título (não é questão de desmerecer, mas realmente não é um título), Cuca também conseguiu. O trabalho de reformulação feito esse ano por Ney Franco também foi feito, talvez em menor escala, pelo agora técnico do Flamengo no ano passado, quando este se viu sem seus antes titulares Juninho, Joilson, Zé Roberto e Dodô e foi obrigado a apostar em Andre Luis, Alessandro, Zé Carlos e Wellignton Paulista e mais outros vistos com certa desconfiança.

Seria bom que tudo não passasse mesmo de uma brincadeira, já que o treinador, que levou o alvinegro carioca a duas semifinais de Copa do Brasil, em 2007 (quando perdeu pela displicência de seu time) e em 2008 (quando encontrou um time de nível igual e perdeu nos pênaltis), fez muito pelo Botafogo e merece um pouco mais de consideração. Por sorte, Cuca não pode jogar para descontar sua frustração em campo; o máximo que pode fazer é treinar bem sua equipe para que chegue à final do Estadual e derrote seu rival. E nisso ainda precisa melhorar, pois seu desempenho no Flamengo não vem sendo dos melhores, embora esteja num clube recheado de problemas que interferem no seu trabalho.

OBS: O irônico é que o agora aclamado Ney Franco era criticado em meados de 2007 pela torcida do Flamengo, mesmo após ter conquistado o Estadual. Quem muitos queriam? Cuca, justamente por fazer um bom trabalho no Botafogo mesmo sem conquistar um título, levando a equipe à liderança do Brasileirão por um bom tempo...

OBS 2: “Aumentou meu amor pelo Flamengo”, Cuca? Menos, menos...

11 comentários:

Tati - octeto disse...

Leandrus.. concordo!!!

"OBS 2: “Aumentou meu amor pelo Flamengo”, Cuca? Menos, menos..."

Menos, bem menos, quase nada!! hehehe

Marcel Jabbour disse...

“Aumentou meu amor pelo Flamengo”. Jura que ele falou isso? pffff

Enfim, a melhor resposta pra isso é vencer a Taça Rio pelo Flamengo, né? Pq senão o chororô vai mudar de lado...

Abração, Leandro!

PS:.Seu nome no PAPO DILOUCO foi uma coisa boa! Foi pela dica dos "atores" futebolistas! Hehehehe.....além disso, vc foi colocado no mesmo patamar do Raul Gazolla! Quer mais? Heheheheeh. Abraço!

Paulo Maeda™ disse...

realmente isso da torcida do botafogo é uma infantilidade dakelas enormes e vergonhosas. Agora o Cuca tb não deveria dar atenção a isso. Se ele quer mostrar q eles tão errados, que ganhe a Taça Rio.

Net Esportes disse...

Acho que o Rezende é que tinha que ficar mais bravo com a tal brincadeira dos torcedores .... foi uma zebra, mas foi o vice de fato.... !!!!!!

Aldevan Junior disse...

O que o Cuca deve fazer é arrumar a defesa do time onde está trabalhando e se posicionar firmemente diante de "imperadores" de titularidade.

Em vez de barrar o Marcelinho, que não vem atuando tão mal assim, por que ele não barra o Léo Moura e o Íbson, esses sim completamentes perdidos nas primeiras partidas do time?

Sobre a música: tem certeza que o vice é o Cuca? Vide os campeonatos estaduais de 2007 e 2008. Na tabela do campeonato está escrito "2ºlugar: Cuca" ou "2º lugar: Botafogo FR"?

Breiller disse...

Acho que o Cuca exagerou no drama, Leandro. (Claro, né? Só de ter dito “Aumentou meu amor pelo Flamengo” já estaria exagerando.

Mas o grito no Maraca é coisa de torcedor, que é passional e não admite viradas de casaca. A revolta dele se justificaria se a diretoria do Botafogo tivesse feito uma faixa de todo tamanho com os dizeres "Vice é o Cuca!". Não dá, principalmente para um técnico, esperar gratidão por parte de torcedor.

O Cuca, como sempre, com psicológico instável e facilmente abalado. Isso, de certa forma, acaba passando para os jogadores. Bom técnico, mas tem de ser mais firme nesse aspecto para ganhar o status de um grande treinador.

Leandro Montianele disse...

Eu sempre fui contra a contratação do Cuca para o time do Flamengo. Sua postura não me agrada nem um pouco. Acho que ele não tem a cara do Rubro Negro carioca.

Qualquer pessoa ficaria magoada pelo que a toricda do Botafogo fez. Mas isso tudo é rivalidade e faz parte do esporte. O mundo da voltas e amanhã ele pode estar no treinando novamente do Botafogo.

Quanto esse história aí de amor eu nem vou comentar pra não falar besteira.

Abraços!

Leandro Montianele

Marcos Antônio Filho disse...

Cuca é um bobo,porque responder a uma citação dessa é dar arma pro bandido. Se o Flamengto perde pro Botafogo? Vai ouvir a torcida botafoguense gritando a todos os pulmões. Agora dizer que o amor pelo o Flamengo aumentou, ele tá de sacanagem,né? Meu ódio por ele está aumentando tb...

Vinicius Grissi disse...

Infelizmente o torcedor de futebol tem memória curtíssima. O Cuca não merecia isto vindo da torcida do Botafogo depois de tudo que fez por lá. E não importa onde está agora.

Leandrus disse...

Hoje o meu comentário vai englobar tudo o que li aqui.

Após ler alguns comentários aqui, começo a pensar que talvez o melhor para Cuca fosse ficar quieto e responder armando bem sua equipe para que ela dê a volta por cima e ganhe o Estadual, obrigatoriamente em cima do Botafogo. Ao cair na pilha dos torcedores que brincaram com ele, fica sujeito a nós próximos jogos ser ainda mais zoado pelas torcidas adversárias e até mesmo pela própria torcida do Flamengo, que poderá usar o mesmo grito da torcida botafoguense para incomodar o treinador em caso de fracasso rubro-negro nas próximas partidas. Não pensei nesse lado mesmo na hora de escrever, talvez até por eu ser uma pessoa que costumava cair na pilha com brincadeiras que não gostava antigamente e ter um apelido eternizado por causa disso, rs

Agora, continuo com a ideia de que, analisando friamente, sem considerar que tudo passou de uma brincadeira, a atitude de grande parte da torcida foi injusta, pelos motivos que já citei no texto. E temo que essa injustiça com Cuca continue, pois já vi nos últimos dias alvinegros sacaneando demais o treinador por “ser vice” (meu bairro é um verdadeiro reduto de alvinegros e, em menor escala, tricolores).

Só um comentário individual:

Aldevan, já vi que você faz parte, como eu, dos torcedores que acham que Marcelinho merece mais algumas chances no meio. Mas é verdade que seu desempenho não é satisfatório, nem mesmo jogando aonde deseja, e um banco seria merecido para ele por um tempo (desde que coloquem um meia de origem no lugar), assim como seria para Léo Mouraf (que não atua bem desde o fim do ano passado). Mas não acho que Ibson deve sair do time; ele tem caracteristicas parecidas com Kléberson e Jonatas e dos três no momento é o “menos pior”.

Ateh!

André Augusto disse...

O Cuca deveria ficar calado, ganhar o Cariocão e aí sim desabafar. Acho que ele perdeu a chance de ficar quieto e ainda a declaração dele ficou parecendo de chorão, como de praxe.

Ele tem que se libertar desse estigma que o limita tanto.