quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Sem conseguir brilhar

O Flamengo de Cuca não conseguiu convencer na fase de grupos da TG; pelo menos o técnico Cuca está ciente disso

Se o Vasco não tivesse sido punido pela escalação supostamente irregular do meia Jéferson, os grandes clubes do Rio de Janeiro estariam classificados para as semifinais da Taça Guanabara pelo segundo ano consecutivo; de maneira tranquila, como nos casos de Botafogo e Flamengo, ou com um pouco mais de dificuldades, como no caso do Fluminense. Mas a verdade é que nenhum dos quatro brilhou nas primeiras sete rodadas do Carioca.

Curiosamente, os times que mais decepcionaram foram justamente Flamengo e Fluminense, favoritos por terem os melhores elencos do Rio; enquanto o primeiro manteve a sua boa base de 2008, o segundo perdeu peças importantes mas conseguiu repor a maioria com algumas boas contratações.

Cuca sofreu para achar a formação ideal do Flamengo (na verdade, ainda não achou) e ainda teve de lidar com a má fase e contusões de jogadores importantes; isso para não falar dos salários atrasados que o clube deve aos atletas. Isso tudo refletiu nas pobres atuações do time, marcadas por gols salvadores nos últimos minutos das partidas (o que aconteceu em 4 das 7 disputadas). Convencer mesmo, somente uma vez, na goleada por 4 a 1 em cima do Mesquita.

Já René Simões esteve em situação pior. O Fluminense só foi vencer na terceira rodada, perdeu 2 vezes, viu seus reforços não renderem o esperado e esteve muito próximo de não se classificar para a próxima fase da competição, o que só ocorreu graças ao empenho dos jogadores nas últimas rodadas, à entrada de Thiago Neves no time titular e aos incríveis tropeços dos clubes pequenos na última rodada, garantindo uma combinação favorável ao time das Laranjeiras. E ainda pagou mico por ter empatado com inferior (pelo menos no papel) time do Vasco mesmo jogando com um a mais por um bom tempo.

Na situação oposta, estão Botafogo e Vasco: não brilharam, mas pelo menos deram um certo alento aos seus desconfiados torcedores. Mesmo com elencos mais modestos, foram os que se mostraram mais arrumados dentro de campo. Destaque para a equipe de Ney Franco, que não tem muitas estrelas mas novamente surpreendeu tendo um desempenho melhor do que o esperado: é uma equipe extremamente determinada em campo e que tem contado com as boas atuações dos atacantes Victor Simões e Reinaldo. Porém, é um time que ainda tem uns apagões preocupantes no sistema defensivo (como foi visto nas partidas contra Volta Redonda e Bangu) e que mostra limitações no ataque, principalmente em situações adversas (como no jogo contra o time da Cidade do Aço, quando foi derrotado).

Enquanto isso, o Gigante da Colina, que foi melhorando com o passar dos jogos, difere do Botafogo por ter um elenco claramente mais limitado e um craque (Carlos Alberto) que ainda não rendeu o esperado. A limitação ficou evidente justamente em casa, empatando com a Cabofriense e perdendo para o Americano. Mas, também determinada e muito bem comandado pelo ótimo Dorival Júnior, vai mostrando aos torcedores que pode fazer um bom papel na Série B principalmente se chegar mais uns 3 reforços de qualidade um pouco superior aos que já estão lá.

Porém, atuando melhor ou não do que outros, nenhum dos quatro grandes convenceu até agora. Não é só porque todos se classificaram (dentro de campo) para as semifinais que se deve achar que todos estão sobrando, pois não adianta se iludir apenas com o resultado final. Melhor saber a verdade agora, por mais que ainda seja início de temporada, do que cair (e muito feio) do cavalo daqui para a frente.

Foto: globoesporte.com

10 comentários:

Marcel Jabbour disse...

De fato, os estaduais não medem as reais forças dos clubes, que podem sim cair do cavalo.

Mas muitas vezes já podemos tirar um diagnóstico de qual será o futuro do time no brasileiro através de seu desempenho nos regionais.

Destaque para o Vasco, que deve passar com tranquilidade pela Série B.

Abração!

diletra.blogspot.com

Wilson Hebert disse...

Caro Leandrus, primeira vez que venho em seu blog. Gostei bastante. Irei linká-lo ao FME...

Quanto aos clubes cariocas, eu não concordo quando você diz que eles se classificaram dentro de campo. Se não fosse o tribunal tirando seis pontos do Vasco, numa pena exagerada, o Flu não estaria dentro.

Mas quando você analisa o desempenho dessas equipes, ai sim eu concordo. Prevejo que o segundo semestre dos cariocas será tenebroso. Dos quatro, acho que quem mais sofrerá será o Flamengo. Ano de eleição e muita turbulencia na Gávea.

Abs Leandrus!

Wilson Hebert disse...

Em tempo: Leandrus, gostaria de te convidar para participar do chat blogs f. c. criado só para blogueiros. Basta adicionar no seu msn o seguinte endereço:
group38099@groupsim.com

Participe!
Abs!

Já está linkado...

Vinicius Grissi disse...

Ainda acredto que os dois times vão melhorar durante o ano e ainda vão jogar muita bola. Só não sei se vão chegar à títulos.

Carlão Azul disse...

Cara sinto muito ter que dizer isso, MAS EU NÃO PONHO A MENOR FÉ NO CUCA... acho que vcs estão correndo perigo com mais esse TREINADOR-ENGANADOR...



Saudações Celestes

SITE/BLOG
Sou Cruzeirense - Site
Sou Cruzeirense – Blog
CRUZEIRO: O MAIOR DE MINAS
Clique AQUI e vote no nosso blog, para melhor blog sobre o Cruzeiro

Renato Piccinin disse...

Campeonatos Estaduais são complicados no começo, mesmo. Difícil saber a real potência dos times. Principalmente neste tiro curto que é a primeira fase do carioca. Acho que com o tempo os times vão melhorando e tem é de se ajeitar para o Brasileirão e para a Copa do Brasil.
Abs.

Leandrus disse...

Breves comentários:

Wilson, valeu pela visita, também irei linkar o seu blog!
Quanto a sua observação, o Fluminense se classificaria sim para as semifinais da TG mesmo se o Vasco não tivesse sido punido, já que os pequenos fizeram o favor de entregar de bandeja a combinação de resultados que o Flu precisava. Tanto que o time das Laranjeiras se classificou em primeiro no seu grupo.

Carlão, também ia mais ou menos por essa linha quando ele foi contratado, mas fui mudando de ideia e ainda acho válido dar crédito ao Cuca. Ele fez um ótimo trabalho com o Botafogo e não ganhou títulos por detalhes. Acredito que se queimou por ser fraco emocionalmente e por ter fracassado no Flu e no Santos. O problema é que até agora não fez muita coisa para acabar com os olhares desconfiados, mas é verdade também que, como o pessoal aqui disse, a temporada ainda está no começo.

Ateh!

speed.king.thrasher disse...

eu acho q o futebol do rio vai sofrer no brasileiro se continuar desse jeito.

eu acho o cuca meio fraco pelo q eu vejo cara... na hora do vamo ve ele sempre dá pra trás, em um monte de finais foi assim.

Daniel Leite disse...

Tenho uma visão um tanto negativa dos grandes cariocas, até aqui. Realmente, Flamengo e Fluminense têm elencos mais abundantes e confiáveis em relação a Vasco e Botafogo. Porém, mesmo a dupla Fla-Flu, além de não ter empolgado na fase pré-semifinais, tem apresentado muitos problemas que podem refletir no curso da temporada.

O Fluminense mexeu demais na equipe, sendo que algumas das "trocas" foram prejudiciais. Caso o imbróglio envolvendo Fred não se resolva, fica faltando ao clube, por exemplo, um "Washington".

Quanto ao Fla, poucas alterações. Porém, o ataque parece ainda mais carente, os meias não conseguem criar mais que os laterais, e Cuca ainda não se achou, apesar dos resultados. É o favorito aos títulos da TG e do Campeonato Estadual. Mas, em nível nacional, precisará de alguns reforços em pontos estratégicos.

Até mais!

Leandrus disse...

Daniel, nos últimos dois anos o Estadual serviu mais como teste para o Fluminense, já que fez campanhas ruins no Carioca mas logo depois foi campeão da Copa do Brasil e 4º lugar no Brasileirão em 2007 e vice da Libertadores em 2008. Isso pode ser uma visão otimista para o torcedor, mas a verdade é que equipe de René mostrou muitos problemas, em todos os setores: destaco o ataque, já que Roger e Leandro Amaral estão muito mal. Fred precisa chegar urgententemente, até porque os outros atacantes, Tartá e Maicon, embora em boa fase, não são tão homens de área.

Quanto ao Flamengo, acho que Cuca está errando ao apostar num esquema manjado com Joel e que ficou ainda mais com Caio Jr, o que até resultou em diversos resultados negativos para o segundo. Por isso esses problemas citados por vc. Porém, acho que o clube precisa contratar apenas alguém para o ataque, pois Josiel e Obina não são confiáveis. Para as outras posições o clube tem boas opções, e acredito que mudanças no esquema (um que privilegie menos volantes no meio e que encontre o melhor posicionamente para Marcelinho e Zé Roberto, por exemplo) e na atitude de alguns jogadores (Léo Moura parece que não voltou de férias) sejam mais importante nesse momento.

Ateh!