segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Léo Moura x torcida do Fla: quem é o vilão?


Léo Moura provoca os torcedores querendo saber onde estão os insultos que o perseguiram ontem. Os rubro-negros, ao vaiá-lo, querem saber onde está o seu futebol que o levou à seleção brasileira

Depois de duas vitórias consecutivas, o clima voltou a fechar no Flamengo. Desta vez, nada de disputas políticas nem críticas a treinadores; a bola da vez é o atrito entre torcida e jogadores. Depois de ser duramente vaiado pela torcida ainda no primeiro tempo, Léo Moura, após marcar o gol de empate contra o Náutico no jogo de ontem, acabou respondendo às críticas com diversos palavrões, que podem ser entendidos sem curso algum de leitura labial. E agora, quem está certo e quem está errado?

Sinceramente, de certa forma entendo o desabafo do lateral (ou ala, se preferir). Nunca entendi porque os torcedores que vão ao estádio muitas vezes preferem vaiar do que apoiar o seu time tão cedo em uma partida. Em que adianta tomar tal atitude já aos 25 minutos do primeiro tempo? Reconheço que o torcedor muitas vezes paga o ingresso, que não é barato, com muito suor e quer ver seu time vencer de qualquer maneira; porém, isso não é motivo para achar que tem o direito de fazer o que quiser nas arquibancadas. Vaias só deixam os jogadores mais nervosos, irritados ou inibidos em campo, trazendo somente prejuízo para o seu próprio time, que geralmente passa a errar e se afobar ainda mais.

E não sou adepto do papo de que o jogador não tem o direito de errar ou se sentir pressionado só porque recebe um salário milionário. Este indivíduo é tão humano quanto quem recebe um salário mínimo; logo, sente os mesmos efeitos psicológicos de quem possui uma conta bancária bem menos recheada. Seria muito bom que todos percebessem esse aspecto antes de começar a “cornetar” nos estádios. Principalmente a torcida do Flamengo, mestre na arte de vaiar: o exemplo de Adriano, desprezado ao deixar o clube em 2001 e amado em 2009 após brilhar na Europa, não é suficiente?

Mas agora vamos entender o outro lado: por que diabos a torcida anda vaiando Léo Moura?

O principal motivo para se vaiar um jogador é o fato de ele estar jogando mal. E o camisa 2 do Flamengo não vem bem há um bom tempo, vivendo somente de alguns rápidos momentos de brilho, como no jogo contra o Galo na última quinta-feira. Desde que serviu a seleção brasileira em fevereiro de 2008, não é o mesmo. Muitas vezes carrega demais a bola, centraliza o jogo diversas vezes, deixa de dar suas arrancadas pelo lado direito que o consagraram em 2007 e até mesmo se omite do jogo, ficando estático ou deixando o trabalho no lado direito praticamente para outros enquanto tenta, erroneamente, se enfiar na área. Ontem, Willians apareceu muito mais na linha de fundo do que o Léo Moura. Pode isso?

Como é um dos principais jogadores do Flamengo, principalmente pelo fato do time priorizar o jogo pelas laterais, certamente sua equipe sente suas más atuações, o que logo é percebido pela torcida. Sempre se espera mais de quem tem maior capacidade de decidir uma partida, e é por isso que muitos não aceitam as más partidas feitas pelo lateral, pois sabem que pode render muito mais do que está rendendo nos últimos tempos.

Assim, é claro o por quê da insatisfação da torcida com o lateral. Só que ele não percebe isso. É difícil vê-lo fazer uma autocrítica das suas atuações e reconhecer que está mal, assim como as vezes pouco parece se esforçar para melhorar, tão apático se mostra em campo. A propósito, só reconhece seu mal momento quando joga bem, exatamente quando os discursos de “Eu estava devendo” vêm à tona. Mas fazer isso no momento de glória é fácil: afinal, isso só ajuda a valorizar a sua boa atuação na partida em que se destacou.

No novo atrito que surgiu na Gávea, ninguém é santo e todos são culpados. A torcida tem que entender que em certos momentos precisa apoiar o time ao invés de sair “soltando os cachorros” ainda no primeiro tempo, da mesma maneira que Léo Moura precisa entender que, se o vaiam, é porque não está jogando bem. Autocrítica é o que deveria ser feito por ambas as partes. O que acredito que dificilmente irá acontecer.

Foto: www.lancenet.com.br

8 comentários:

Marcos Antônio Filho disse...

Até acho as vaias ao léo Moura justas, mas realmente tem que dar temnpo pra ele mostrar alguma reação. Já as vaias dadas ao Juan eu acho injustas pq ele estava jogando bem, não tava desequilibrando como no ano passado, mas suas atuações eram boas.

E o Léo Moura tá assim pq terminou com a Perlla!rs[nelson rubens mode off]

Daniel Leite disse...

Acho que o ponto fundamental seria uma revisão de conceitos a respeito do nível do Léo Moura. Mesmo voltando à lateral, o jogador parece não ter retomado o bom caminho de 2007. Porém, quando paramos para pensar, vemos que Leó pode ser considerado (e isso é mera questão de opinião) um futebolista "overrated". Ignorando a passagem pelo Flamengo, o que ele fez de tão brilhante na carreira?

Entendo que Léo é um lateral muito incisivo e bastante útil para equipes que utilizam em demasia o jogo pelas pontas, caso do Flamengo. Porém, ele oscila demais, tem problemas defensivos e, pior, entende que está acima do bem e do mal. Vejo que ele teve seu auge em 2007. E hoje, à beira dos 31 anos, pode já ter iniciado um processo de decadência. E isso é complicado de entender. Para ele e para os torcedores.

De qualquer maneira, concordo contigo sobre qual seria a postura adequada da torcida. E, por outro lado, também acho que Léo merece ser desculpado. Desde que se conscientize no que concerne ao seu momento, bem ruim.

Até mais!

Loucos por F-1 disse...

Cara, sou totalmente contra vaias a jogadores que estão ali defendendo a camisa do time. O torcedor tem todo o direito de ficar puto, só que vaiar acaba piorando a situação. O Leo Moura está jogando mal sim, mas cornetar logo aos 25 do primeiro tempo é demais. O torcedor tem que ser coerente. Tem hora que acho perda de tempo tentar expor essas coisas aos torcedores, independente do time. Muitos não entendem de futebol, apenas querem ver o jogador acertar e seu time ganhar.

Leandro Montianele

Vinicius Grissi disse...

Vejo uma coisa "direcionada" contra o Léo Moura. E ele não tem sido o melhor do time, mas não tem jogado mal como outros atletas. A vaia é um direito do torcedor, mas neste caso, foi exagerada. Ainda estávamos no primeiro tempo.

Mas enfim, eles que são brancos, que se entendam.

Leonardo Moura é fundamental para o Flamengo neste Brasileirão.

Anônimo disse...

Olá Vinícius, eu concordo com vc!
As vaias são bem vindas nos estadios assim como os aplausos, mas sei tb que a torcida é movida pelas organizadas que puxam as vaias e os aplausos.
Então não me coloco como xingado pelo Leu, pq não sigo as organizadas sou torcedor por mim mesmo e tenho minhas próprias conclusões e acho que o Leo foi só sentimentos, e quem o vaiou o tempo todo teve o que merecia!!!
SÓ O GOOLLL JA É UM TAPA DE LUVA MAS AS PALAVRAS SEMPRE DOEM MAIS!!!
BEM FEITO PARA OS IMPACIENTES QUE NÃO ESPERAM A CONCLUSÃO DOS JOGOS!!!
DA NELES LEO MOURA!!!!

Net Esportes disse...

São vários jogadores que quando vão para Seleção acabam caindo de produção depois ... uma pena .... eu concordo, a torcida tem que ser razoável na hora de criticar, mas a pior coisa é o jogador responder à provocação ... no Santos recentemente o jovem Neymar também respondeu com pipocas e tal, a sorte dele é que não teve muita repercursão .... acho que o jogador se queima mais ainda se fizer isso.

Leandrus disse...

Breves comentários:

Marcos Antônio, também acho as vaias ao Juan injustas, justamente pelo que você falou. Mas acredito há duas razões para que o lateral-esquerdo seja crucificado na Gávea ultimamente: as confusões que andou arrumando nos treinos e uma má vontade que as vezes parece demonstrar em campo, principalmente na hora de voltar para marcar (porque ele simplesmente não volta, rs). Pode ser só uma impressão, mas é o que muitas vezes parece ser verdade da arquibancada.
OBS: Boa lembrança a da Perlla, hehehe

Daniel, entendo sua opinião sobre Léo Moura, mas não sei se o considero um "overrated". Tirando sua passagem no Fluminense, teve momentos muito bons no Rio de Janeiro, sendo que seu auge foi mesmo no Flamengo.

Pode até ser que tenha iniciado um processo de decadência sim. Mas ainda acredito que o problema é que passa por uma má fase mesmo. Vendo-o jogar, o lateral ainda não me parece ser o caso que esteja na descendente, até porque suas boas atuações (quando tem) me fazem pensar que ainda tem uns 2 ou 3 bons anos pela frente. E o seu último parágrafo disse tudo: concordo completamente com o que disse.

Leandro, infelizmente o brasileiro parece ter essa cultura do "tô pagando, tenho o direito de vaiar quem e quando eu quiser". Parece um caminho sem volta, infelizmente. Mas talvez temos que lembrar que as vaias a Leo Moura ainda no inicio do jogo tenham acontencido pelo fato de estar jogando mal já há um bom tempo. Ainda assim, não concordo com tal atitude da torcida do Flamengo tão cedo em uma partida.

Vinicius, é como eu disse acima: o problema é que Leo Moura não joga bem há um tempo, é um dos principais jogadores do time e as vezes mostra uma incrível apatia em campo. São vários motivos que se tornam uma bola de neve e fazem o torcedor tomar tal atitude precocemente.

Netesportes, sério mesmo que Neymar fez isso? Que perigo, poderia já estragar sua passagem pelo Santos. Concordo contigo, jogador se queima com essa atitude. O problema é que muitos não tem sangue de barata, aí complica...

Valeu pelos comentários, ateh!

Saulo disse...

Eu acho que o jogador não pode ficar ouvindo torcedores quando está jogando ou treinando.