segunda-feira, 13 de julho de 2009

Por que não parou?


Agora não adianta espernear...

Carlos Alberto Parreira saiu desmoralizado da Copa do Mundo de 2006. Foi teimoso ao optar por jogadores em má fase e não teve pulso para combater o oba-oba e a festança que foi feita em torno da Seleção antes e durante a competição. Desgastado, odiado e tachado de ultrapassado, o momento parecia propício para que encerrasse sua carreira de técnico. Preferiu aceitar o convite da África do Sul para treinar a seleção local.

O cenário que encontrou no país africano não foi o que esperava. Logo reconheceu diversos pontos que precisavam ser melhorados. Os resultados iniciais não foram bons. Parecia que o inferno astral vivido em 2006 não havia terminado. Após quase dois anos por lá, deixou o cargo no ano passado por causa de problemas familiares, sem deixar muitas saudades. Sua carreira poderia ter parado por aí.

Mas no final de 2008 e no começo de 2009, seu nome começou a ser ventilado no mercado carioca, para assumir o cargo de consultor, de técnico ou algo parecido. Mesmo sem há muito tempo treinar um clube e sob certo olhar de desconfiança, acabou se tornando o treinador do Fluminense em março. Depois de uma passagem fraca e de muitas decepções, foi demitido hoje, 4 meses depois de ser contratado.

Muito querido nas Laranjeiras, pela sua história dentro do clube, Parreira foi muito aquém do que se esperava dele. É verdade que foi atrapalhado pela tensão que se acumulou nas Laranjeiras neste ano. Assim como é verdade que o elenco que tinha em mãos não era nenhuma maravilha. Mas, comandando jogadores do quilate de Fred, Thiago Neves, Conca e outras boas revelações como Maicon e Tartá, poderia ter conseguido muito mais do que ser eliminado do Carioca ainda nas semifinais da Taça Rio, ser desclassificado da Copa do Brasil nas quartas de finais em pleno Maracanã e acumular resultados negativos que deixaram o Fluminense na zona de rebaixamento do Brasileirão. No final, seu time não era mais do que um time apático, sem poder de reação, sem fazer as estrelas brilharem e sem conseguir aproveitar as boas revelações de Xerém (na verdade, fazê-los render na equipe principal parece um mistério que nem Sherlock Holmes e Hercule Poirot conseguem resolver).

O que a passagem no Flu lhe trouxe? Nada positivo, e sim o contrário. É somente mais uma mancha no seu currículo que faz com que esqueçam um pouco de suas conquistas e lembrem de seus fracassos. Teve mais um desempenho que serviu somente para seus muitos críticos o considerassem ultrapassado, desgastado e pronto para pendurar o agasalho de técnico. O que, na verdade, no auge de seus 66 anos, já deveria ter sido feito. Afinal, se é para se sair tão mal no comando de um clube e manchar o currículo cada vez mais, é melhor sair um pouco do mundo do futebol e cuidar mais da família, como diz tanto que deve fazer quando declara não ser mais o técnico de uma equipe.

Foto: www.estadao.com.br

6 comentários:

Loucos por F-1 disse...

Xará, concordo plenamente com você. Acredito que já passou do hora do Parreira pendurar o agasalho e ir cuidar da família. Ainda bem que aquelas especulções dele no Flamengo não vingaram.

P.S: Ficou show de bola o novo visual do Blog.

Abraço!

Leandro Montianele

Thiago Madureira disse...

Leandro,
Vi, em primeira mão, no Redação Sportv ele declarando que tinha sido demitido. Na hora, levei um susto, até porque a entrevista seguia normalmente e ele falava como técnico do Fluminense.
Depois da última Copa, a carreira de Parreira, pra mim, tinha acabado. E acho que pra ele também, só que a ficha demorou a cair. Acho que agora sim, ela caiu.

Abraços...

Carlão Azul disse...

Vão me desculpar os fãs de Parreira, mas pra mim ele tem MUITO mais SORTE do que COMPETÊNCIA.

É mais um daqueles "enganadores" que o futebol brasileiro tem aos montes. Desculpem-me de novo se ofendo alguém, mas é o que sinceramente eu penso.

===========

Esquente não Leandrusão, tempo é um artigo em extinção e cada vez mais valioso. Também ando super atarefado e não visito mais meus grandes amigos e parceiros, só dou conta de pagar as visitas (c/ comentários) que tenho.

Abração e...

Saudações Celestes

Sou Cruzeirense Blog
Sou Cruzeirense Site
Sou Cruzeirense BRINDES
Acesse e comente!

Vinicius Grissi disse...

É....agora eu acho que como treinador, Parreira não vai aparecer mais.

Blog F1 Trulli disse...

êta...
ñ suporte esse cara
ele deveria ter aceitado a aposentadoria depois de 2006
e a F1... começaram as mudança
Abração

Lari L disse...

Muito legal o blog.
Tem certos jogadores e técnicos que deveriam acabar com essa história de voltar para o time para o qual sempre torceu e sempre gostou.
Dá nisso aí.