sexta-feira, 28 de março de 2008

Ele é essencial

Em breve, Kléber Leite terá que mostrar toda sua habilidade nos bastidores mais uma vez. O empréstimo de Ibson está terminando, e o Porto não parece muito disposto a deixar o volante por mais alguns tempos na Gávea. E é bom o Flamengo abrir o olho: o jogador já foi e ainda é essencial para o time, embora tenha convivido com críticas dos torcedores e da imprensa nas últimas semanas.

Ibson foi um dos líderes do Flamengo na arrancada fenomenal que o time deu no último Campeonato Brasileiro: além de ser o responsável pela distribuição das jogadas do time (devido a qualidade de seu passe e pela sua excelente visão de jogo), tinha a obrigação de chegar lá na frente para concluir as jogadas; tudo isso sem se descuidar da marcação, onde também se destacava. Devido às suas grandes atuações, o volante foi eleito um dos melhores do campeonato e foi até cotado para futuras convocações da seleção brasileira.

Porém, o começo de ano não foi bom para Ibson, pois não estava jogando com a mesma qualidade do ano passado, o que ficou evidente nos 3 primeiros jogos da Libertadores, onde errou muitos passes e parecia estar mais preocupado em reclamar com a arbitragem. Mesmo tendo jogado muito bem os 2 jogos das finais da Taça Guanabara, suas atuações no geral não estão convencendo nem mesmo àqueles que defendiam sua convocação para a seleção.

Mas Ibson é muito importante para o time. Embora ele não esteja jogando tão bem quanto no ano passado, ainda é ele que inicia todas as jogadas do time, preparando-as principalmente para os laterais Juan e Leo Moura; além disso, não se omite do jogo, mesmo quando não está em seus bons dias. E para piorar, os 2 jogadores que foram contratados esse ano que poderiam fazer a mesma função de Ibson não engrenaram no time: Kléberson não consegue reeditar as atuações que o levaram à Copa de 2002 e à Europa; já Jônatas...bem, esse vem em péssima forma e continua indisciplinado, o que é uma pena, pois seus belos lançamentos poderiam torná-lo o substituto do camisa 7 da Gávea.

Agora é esperar para ver o que vai acontecer. Kléber Leite é um dirigente esperto e sabe das qualidades de Ibson; além disso, geralmente consegue uma operação financeira que permite ao time contratar ou segurar algum jogador (infelizmente, às vezes isso prejudica e muito as finanças do time). Mas uma coisa é certa: sem Ibson o time perde muito e muito no quesito qualidade, o que pode comprometer as ambições do Flamengo esse ano.

OBS: (Viúva de Senna mode on) Você achou que eu iria esquecer o aniversário de 15 anos da segunda vitória de Senna no Brasil? Não! Em outra vitória heróica do brasileiro, onde contou com a sorte quando a chuva fez Prost abandonar, foi competente ao ultrapassar Hill e nem pensou em negociar ultrapassagens com os retardatórios, a torcida deu um show: invadiu a pista e reverenciou seu ídolo, para delírio de Galvão Bueno. Como diria Galvão no vídeo abaixo, "Senna nos braços do povo!"

9 comentários:

Daniel Leite disse...

E esta, a de tomar emprestados astros brasileiros que jogam fora, tem sido uma tônica no Brasil. O problema é que nossas equipes, sempre subordinadas, ficam órfãs após a volta dos craques para a Europa. Como acontecerá com Ibson (que parece querer voltar ao Porto), Adriano, Kléber, Carlos Alberto, Fábio Santos, Diogo Rincón...

Até mais!

Loucos por F-1 disse...

Com certeza Ibson é um dos jogadores mais importantes do time. No momento ele não vem jogando o futebol apresentado no ano passado, mas continua sendo o craque.
Acredito que o Kleber fará de tudo para mante-lo no Flamengo.

Saudações Rubro Negras

Leandro Montianele

Leandrus disse...

Breves comentários:

Daniel, o pior de tudo é que esses jogadores sempre voltam para o Brasil ganhando muuuuuuito mais do que ganhavam antes de sair do Brasil; nem quero imaginar quanto o São Paulo paga ao Carlos Alberto e ao Adriano...

Leandro, acho q esse eh o problema: KL vai fazer de tudo para manter Ibson na Gávea, e as vezes isso exige a venda de algum jogador, ou venda de parte de seus direitos...

Ateh!

Vinicius Grissi disse...

O Ibson é peça fundamental no time do Flamengo. É o toque de classe e raça no meio-campo. Um jogador diferenciado que o Flamengo precisa fazer de tudo para segurar...mas não sei se vai conseguir!

Blog F1 Grand Prix disse...

Pois é... tá todo mundo correndo risco de perder jogadores importantes no meio do ano. Como de costume, aliás...

O meu Flu deve ficar sem o Thiago Neves e o Arouca. Só torço para que a diretoria consiga segurar o Thiago Silva. Esse sim é essencial!

Grande abraço,

Gustavo

Leandrus disse...

Pô Gustavo, o Thiago Silva é o jogador que é quase certo que vá para a Europa; aliás, tá na hora dele ir pra seleção tb, não acha?

Felipe Maciel disse...

"Viúva de Senna mode on"
kkkkkkkk

Tati - Octeto disse...

Leandrus!!!!

Enfim... pude passar para ler seu blog!!!
Ando fazendo tantas coisas, que posto no Octeto e não tenho tempo para passar pelos meus blog favoritos..hehehehe...
Mas consegui!!! hehe

Ai... O Kleber Leite não pode deixar o Íbson escapar de jeito nenhum!!!!!! Pelo amor...

Nossa...já faz 15 anos desta vitória!? O tempo passa muito rápido ...

Bjinhosss

Tati

Leandrus disse...

Breves comentários:

Felipe, não pude evitar o termo, rs

Tatiana, brigado pela visita! Eu tb estou bem ocupado ultimamente (na verdade, em época de faculdade sempre estou), mas sempre que consigo posto alguma coisa aqui, rs
E já fazem 15 anos dessa vitória...eu lembro até hoje que tinha 5 anos, andava na rua com meu pai de manhã e todas as tvs já estavam ligadas na transmissão do GP do Brasil...

Ateh!