quinta-feira, 17 de julho de 2008

Pirraça?

A notícia é assustadora, mas é verdadeira: o Chelsea tentou a contratação de Robinho por 60 milhões de euros, a pedido do novo técnico Luiz Felipe Scolari. Pior: além de recusar a proposta, Ramón Calderón, presidente do Real Madrid, disse que Robinho vale muito mais do que isso.

Na verdade, Robinho pode sim valer algo em torno de 60 milhões de euros. Porém, precisa ser aquele jogador atrevido e temido da época de Santos, que não tinha medo de passar pelos zagueiros truculentos e enchia os olhos dos torcedores numa época em que jogadas bonitas se tornam cada vez mais raras (pedaladas?). Mais do que isso, precisa ser o jogador que comandou uma fraca seleção brasileira à conquista da última Copa América, chamando a responsabilidade para si e sendo efetivo acima de tudo.

Porém, o Robinho que passou os últimos anos no Real Madrid não vale nem metade do preço proposto pelo time de Roman Abramovich. Isso porque suas temporadas jogadas no time merengue foram marcadas por altos e baixos: quando o camisa 10 parecia que iria finalmente engrenar, voltava a ter uma série de atuações ruins, voltando a freqüentar o banco de reservas. Devido a essa irregularidade, Robinho não foi um dos jogadores chaves nos 2 últimos títulos nacionais de seu time; isso para não citar as eliminações precoces nas últimas edições da Champions League.

Na verdade, Robinho ainda precisa mostrar no Real Madrid porque é o jogador cuja contratação foi pedida insistentemente por Vanderlei Luxemburgo em 2005. Contratação que não correspondeu na época, porque a vontade demonstrada pelo jogador em campo não compensava as jogadas que simplesmente não conseguiam ser executadas por ele. O alto valor de sua contratação e a falta de resultados imediatos (assim como aconteceu com Júlio Baptista) devem ter ajudado na queda de Luxemburgo, já que parte daquele dinheiro gasto poderia ter sido usado no reforço de outras posições carentes do time na época (como era a zaga e a sua proteção).

Considerando tudo que Robinho fez no Real Madrid até hoje, o preço pedido por Robinho é muito, mas muito alto. Na verdade, às vezes tenho a impressão de que o valor pedido pelo ex-jogador do Santos é equivalente à pirraça de um jogador de Football Manager (o tradicional FM), quando este não quer vender um jogador mas quer brincar com a máquina pedindo valores exorbitantes...

4 comentários:

Pâm SãoPauliNa-RP disse...

hauhauhuhauhauhauhua Fique calmo até o tricolor chegar ai depois vcs perde a liderança ehehehe...

Robinho não é tudo isso não poh, cara mó mascarado do cacete. O presidente do Real é um brincalhão!

Detesto este cara!!!

Carlão Azul disse...

Que isso o cara não é Deus não... por melhor que seja pra mim não vale tudo isso não.

Engraçado o nome na camisa do outro jogador da foto, MANÉ....

heheh

Abração LEANDRUS.


Parabéns pelos 2000 acessos, começou outro dia mesmo héin?

Marcio disse...

Legal o Blog, parabéns!

Leandrus disse...

Breves comentários:

Sãopaulina, também não precisa desse ódio todo, rs. Mascarado não chega a ser, só precisa ser mais regular e aprender a dosar objetividade com as firulas que ele faz.

Carlão, é verdade, alguns jogadores da Espanha tem nomes muito estranhos, hehehe. E valeu aí pela força; realmente, comecei a pouco tempo e é gratificante chegar a esse número. Espero melhor com o tempo.

Márcio, valeu pela visita!

Ateh!